sábado, 17 de abril de 2010

Paixão por viajar

“Um homem precisa viajar. Por sua conta, não por meio de histórias, imagens, livros ou TV. Precisa viajar por si, com seus olhos e pés, para entender o que é seu. Para um dia plantar as suas próprias árvores e dar-lhes valor. Conhecer o frio para desfrutar o calor. E o oposto. Sentir a distância e o desabrigo para estar bem sob o próprio teto. Um homem precisa viajar para lugares que não conhece para quebrar essa arrogância que nos faz ver o mundo como o imaginamos, e não simplesmente como é ou pode ser. Que nos faz professores e doutores do que não vimos, quando deveríamos ser alunos, e simplesmente ir ver.”

Amyr Klink


Tenho que dizer mais alguma coisa?

3 comentários:

Telmo disse...

Olá Guilherme, espero esteja tudo bem com vocês, eu tenho andado paradito de escrever e fotografar, obrigado pelas tuas palavras no meu blog, gostei deste teu post que foca muito da realidade de nossos dias, pois viver as coisas de perto não é o mesmo que aprendê-las apenas através das fotos e dos livros e/ou outros meios de divulgação (net, media, etc.), grande abraço amigo e boa semana.

ALFF disse...

Não precisa dizer mais nada mesmo! Mas quando vens cá pró frio e principalmente para a chuva bem que ficas com saudades do calor confessa lá lol

Guilherme Faro disse...

hahahhaha de jeito nenhum, Aninha! Não sinto falta do calor, MESMO! Muito pelo contrário, calor, pra mim, é uma droga.